Investigadores do CIEC organizam o III Simpósio Luso-Brasileiro em Estudos da Criança

12

Os investigadores do CIEC Manuel Sarmento e Natália Fernandes participam da organização do III Simpósio Luso-Brasileiro em Estudos da Criança, em conjunto com os professores Emília Vilarinho (Universidade do Minho); Gabriela Trevisan, Irene Cortesão, Paula Pequito, Ivone Neves, Florbela Samagaio (ESEPF/CIPAF); Manuela Ferreira, Rita Ramos de Sousa (Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto); Leni Dornelles (Universidade Federal do Rio Grande do Sul/BRASIL), a realizar-se nos dias 21 e 22 de julho de 2016 na Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto:

Os Estudos da Criança são, por definição, interdisciplinares.

O diálogo entre disciplinas na constituição do conhecimento sobre as crianças e a infância não visa apenas romper com as visões parcelares e fragmentárias que construíram as imagens sociais com que durante muito tempo pensamos e agimos com as crianças: pequenos seres humanos em desenvolvimento, menores, alunos, pacientes dos serviços de pediatria, filhos e filhas, destinatários da socialização, beneficiários indiretos dos serviços de proteção social, etc. A natureza interdisciplinar do conhecimento produzido pelos Estudos da Criança deve ser capaz de criar novas imagens sociais, de ampliar o conhecimento dos mundos de vida das crianças, de focalizar sob lentes mais nítidas os quotidianos, as práticas sociais, os modos de expressão cultural, os contextos de vida e as condições estruturais da infância.

Ao recolocar as crianças e a infância sob a nova perspetiva que a rutura com o conhecimento tradicionalmente disciplinar as colocou, os Estudos da Criança permitem uma maior aproximação aos seus mundos de vida pela transposição de fronteiras, a abertura de caminhos insuspeitados, a renovação metodológica e a construção de novos constructos e conceitos. Como todo o processo inovador de construção de conhecimento, o trabalho teórico e epistemológico corre riscos. É nessa margem entre o conhecimento solidamente consolidado e a aventura da descoberta que opera o sentido da travessia entre os continentes das disciplinas que se ocupam da infância e as travessuras ludicamente assumidas da imaginação teórica e metodológica.

O III Simpósio Luso-Brasileiro em Estudos da Criança assume como tema as Travessias e as Travessuras em Estudos da Criança. Prosseguindo uma tradição de diálogo entre pesquisadores e pesquisadoras que se dedicam ao estudo das crianças e da infância de Portugal e do Brasil, abrindo-se ao labor teórico de outros países de língua oficial portuguesa, o III Simpósio centrar-se-á na construção interdisciplinar do campo dos Estudos da Criança.

Este tema vai ao encontro das condições, das possibilidades e dos limites da interdisciplinaridade: as bases e fundamentos dos diálogos entre disciplinas; a convergência de códigos e linguagens disciplinares, mas também os seus limites e impasses; os sentidos, frequentemente ambíguos, polissémicos e mesmo dissonantes de conceitos diferenciadamente usados por distintas abordagens disciplinares; a configuração de novas ferramentas concetuais que favoreçam a interceção dos campos teóricos.

Mas não apenas. O III Simpósio convoca também estudos e pesquisas que se constituem numa base interdisciplinar, de forma a mostrar os resultados dos processos de construção de conhecimento gerado nos diálogos entre a psicologia, a sociologia, as ciências da educação, a geografia, as outras ciências sociais e humanas, as ciências cognitivas, as artes, o direito e as ciências políticas, etc.

A organização do III Simpósio é fiel ao seu próprio tema. Assim, são estabelecidos eixos temáticos que fogem à tradicional arrumação por áreas de conhecimento ou de intervenção. Esses eixos estabelecem-se no diálogo entre termos que usualmente são apresentados como dicotomias, mas que aqui se querem essencialmente como pontes de diálogo e de articulação no conhecimento das crianças. Em cada eixo, organizar-se-ão secções temáticas que dão corpo ao seu conteúdo.

O primeiro eixo desenvolve-se em torno das relações Corpo e Cultura. Integram o eixo temáticas como saberes e conhecimento; artes e expressões; emoções; territórios e mobilidades; migrações; género e sexualidade. O sentido do eixo consiste na rutura com a dicotomia natureza/cultura no conhecimento da infância, explorando as possibilidades da pesquisa na compreensão dos modos como as crianças exprimem nas suas relações sociais, no espaço e no tempo, o seu crescimento e a sua inserção na cultura.

O segundo eixo articula Idades e Diversidades. Integram o eixo temáticas como: brincadeiras e ludicidade; famílias e comunidades; intergeracionalidade; interculturalidade. O eixo estabelece a rutura com as dicotomias entre ser/tornar-se e criança/adulto, procurando compreender as relações inter e intrageracionais na diversidade das condições sociais, geográficas, étnicas e raciais em que as crianças brincam, estudam, se relacionam umas com as outras, com aos pais, com os vizinhos, com os outros.

O terceiro eixo procura relacionar Instituições e Quotidianos. Integram o eixo temáticas como: educação formal e não formal; direitos, política e justiça; contextos de acolhimento; consumos, media e tecnologias. O eixo visa interrogar os processos institucionais e as formas de vida quotidiana das crianças, rompendo com a dicotomia entre estrutura e ação e procurando integrar os modos instituintes com que as crianças, nas mais diversas condições e circunstâncias, constroem as suas vidas.

Todas as comunicações devem referir o eixo em que se inserem.

  

A call deverá seguir as seguintes indicações para submissão:

– resumo em formato doc; 3000 carateres; 3 a 5 palavras-chave; espaçamento 1,5, letra 12

  1. Título e autores centrais a negrito
  2. Apresentação/introdução
  • Enquadramento teórico
  1. Metodologia
  2. Resultados parciais e/ou integrais

 

Os trabalhos serão enviados aos membros da Comissão Científica de acordo com as áreas de interesse e de investigação.

Mais informação em http://estudosdacrianca3.pt/

Deixar um comentário...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s