Doutoramento em Estudos da Criança, especialidade de Educação Física, Lazer e Recreação

 

Realizaram-se no dia 15 de outubro, às 14h30, as Provas de Doutoramento em Estudos da Criança, especialidade de Educação Física. Lazer e Recreação, requeridas pelo Mestre Gilberto Gaertner, tendo como orientadores o Doutor António Camilo Teles Nascimento Cunha, a Doutora Judite Zamith Cruz e o Doutor Rui Manuel Proença Campos Garcia. O júri foi presidido pela Prof. Laurinda Sousa Ferreira Leite,  tendo estado presentes os seguintes vogais: Doutor Rui Manuel Proença Campos Garcia, da Universidade do Porto; Doutora Maria Beatriz Ferreira Leite de Oliveira Pereira, da Universidade do Minho; Doutor António Camilo Teles Nascimento Cunha, da Universidade do Minho; Doutora Cláudia Salomé Lima Dias, da Universidade do Porto; Doutora Judite Zamith Cruz, da Universidade do Minho; e o Doutor Antonino Manuel Almeida Pereira, do Instituto Politécnico de Viseu. Justificou a sua ausência o Doutor César Augusto Araújo Fernandes Meira de Sá, do Instituto Politécnico de Viana do Castelo. No final, o candidato foi aprovada por unanimidade.

 

Título da Tese: “Processos atencionais no campo esportivo: um contributo para o ensino e aperfeiçoamento do saque no voleibol”

 

60Resumo: Por meio da presente investigação estudou-se os processos atencionais no campo esportivo e, ante à amplitude da área, delimitou-se o tema central a um objeto específico:  a atenção como fator de otimização de desempenho do fundamento saque na modalidade esportiva voleibol. Para tanto, partiu-se da premissa de que os estudos científicos atuais, no que se refere aos processos atencionais, dão ênfase a uma perspetiva sistêmica e multidisciplinar. Neste contexto, a atenção e a concentração são habilidades essenciais para o sucesso no esporte, pois, podem ser treinadas, desenvolvidas e aperfeiçoadas. E para levar a termo a investigação, optou-se pelo saque por ser uma ação de ritmo próprio – uma pressão da individualidade – que exige na sua execução níveis elevados de atenção e concentração, mesmo que o voleibol seja caracterizado como uma modalidade esportiva coletiva. O objetivo do estudo restringiu-se à análise de níveis, processos, manejos e rotinas atencionais utilizados por atletas de elite e à sua aplicabilidade em processos e procedimentos direcionados ao aprendizado e ao aperfeiçoamento do saque no voleibol. E com o intuito de prover um estudo empírico, qualitativo e com dados quantitativos elencou-se, em 2009, 28 sujeitos – sendo 24 atletas das seleções brasileiras adultas de voleibol masculina e feminina e 4 integrantes das respetivas comissões técnicas – para estruturar a composição amostral, a qual foi submetida à mensuração da atenção concentrada, sustentada, dividida e difusa por meio de 5 testes atencionais padronizados: AC, D2, AD, AS, TEDIF-3. Já, para identificar os processos, manejos e rotinas atencionais realizou-se entrevistas semi-estruturadas, as quais foram decodificadas mediante análise de conteúdo. Como resultado, encontrou-se uma diferença estatisticamente significativa no nível de atenção concentrada (p=O,O15) a favor do subgrupo masculino, o qual perfaz, como consequência, um índice mais elevado de acertos na execução dos saques. Outrossim, foram identificados princípios significativos de otimização atencional passíveis de serem utilizados como base para o aprendizado e o aperfeiçoamento do fundamento saque.

Deixar um comentário...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s